Curso de Escalada

Próxima turma: (faça sua inscrição)

São Paulo ou Curitiba: Verifique datas!
Contato: (41) 9642 4950 (TIM PR).

Quer aprender a escalar?
Em conjunto com amigos e experientes escaladores e guias de montanha ministro o curso de escalada das agências Climbing.com.br, GenteDeMontanha.com com total apoio e recomendação do site Alta Montanha.
 
Este curso é focado nos procedimentos técnicos básicos para que o escalador possa realizar escaladas em vias pré determinadas com proteção fixa na rocha com segurança e independência.

Aprende-se desde os conceitos básicos da escalada em rocha, sua história, principais nós, técnicas de ascensão e descenso, técnicas básicas de auto-resgate, procedimentos de guiada e segurança, bem como o manuseio e manutenção dos equipamentos utilizados e a ética e boa conduta em montanhismo.  O curso possui 16 horas/aula, divididas em duas aulas teóricas e uma aula prática.

O objetivo do curso é que ao final dele, o aluno estará em condições de realizar escaladas em rocha com autonomia, estando esta sob sua inteira responsabilidade, inclusive aprendendo as técnicas para guiar vias de escalada com proteções previamente fixadas.

Os alunos que fazem meu curso, além de contarem com toda minha experiência no meio, ainda tem a vantagem de obter descontos na loja AltaMontanha. A maior loja virtual de equipamentos de escalada, montanhismo, trekking e camping.




Conteúdo:

Aula teórica: 

Apresentação à escalada e aos equipamentos utilizados na escalada em rocha com proteções fixas – características, usos, conservação.
- História da escalada 
- Tipos e estilos de escalada
- Cordas;
- Cadeirinhas;
- Mosquetões;
- Costuras;
- Freios;
- Fitas tubulares e chatas;
- Cordins (cordeletes);
- Capacetes;
- Sapatilhas;
- Carbonato de Magnésio;
Apresentação dos nós utilizados em escalada em rocha, conceito nível básico – prática em sala de aula.
- Nó Oito Duplo, pelo chicote;
- Nó Oito Duplo, pelo seio;
- Nó Volta do Fiel;
- Nó UIAA;
- Nó Boca de Lobo;
- Nó de Fita;
- Nó Pescador Duplo;
- Nó Azelha;
- Nó Prusik;

Conceitos de escalada:
- Tabelas de graduação de escalada;
- Correta montagem/desmontagem de paradas;
- Segurança para o escalador (sob e sobre o mesmo);
- Realização de Rapel com sistema de backup;
- Correta colocação de proteções intermediárias, para o guia;
- Conceitos de segurança, para o guia;
- Queda “fator dois”;
- Conceitos teóricos de auto-resgate.

Ética da escalada e mínimo impacto.

Aula teórica em Curitiba

Simulação de guiada na aula teórica em Curitiba




Aula teórica em São Paulo.

Aula prática:

- O aluno irá colocar em prática o aprendido nas aulas teóricas escalando como participante, em “top rope” e simulação de via guiada. Também efetuará montagem e desmontagem de paradas assim como descida por corda (rapel) com sistema de backup. Também será feito exercício de auto-resgate, com ascensão direta pela corda.
- Ao final do curso o aluno terá todo embasamento teórico e prático para realizar escaladas em locais com proteção fixa com total autonomia e segurança. 

Incluso no curso:
- instrução personalizada;
- equipamentos de segurança certificados para uso durante as aulas;
- material didático (um exemplar do livro Escale melhor e com mais segurança para cada participante);

Não está incluso alimetação e deslocamento até a sala de aula e local da aula prática, sendo organizada entre os instrutores e alunos no decorrer do curso.
É desejável que o aluno tenha sapatilha de escalada, caso tenha dúvida entre em contato!
Turma mínima/máxima: 6/12 alunos.

Instrutor:

Pedro Hauck, 32 anos. Geógrafo e montanhista. Foi diretor de escalada da Federação Paranaense de Montanhismo e também do Clube Paranaense de Montanhismo, onde ministrou diversos cursos de escalada. É colunista e editor do Site AltaMontanha.com, um dos principais meio de comunicação do montanhismo em língua portuguesa e sócio da agência GenteDeMontanha, do experiente guia de montanha Maximo Kausch.
Já participou de uma dezena de expedições à montanhas andinas, tendo alcançado cume em cerca de 40 montanhas de altitude. Possui ampla experiência em escalada em rocha no Brasil, já tendo escalado em diversos Estados, desde o Rio Grande do Sul até o Nordeste.



Conheça os outros instrutores com quem trabalho:

São Paulo

Tacio Philip, 34 anos. Fotógrafo e empresário. Com mais de 10 anos de experiência em escalada em rocha e montanhismo escalou em diversos estados do Brasil e exterior, com destaque para região de São Bento do Sapucaí, Pedralva, Salinas, Rio de Janeiro, "Aguja de la S" em El Chalten na Patagônia Argentina etc, sempre com preferência para o estilo de escalada tradicional. Ainda possui no currículo cursos como "Resgate em Montanha" pelo Cosmo e "Avançado de escalada" com Eliseu Frechou entre outros.
Também é montanhista tendo escalado um grande número de montanhas do Brasil, com foco principal na Serra da Mantiqueira e algumas no exterior (Bolívia e Peru). Também realizou diversas travessias e expedições para montanhas pouco exploradas.
Mais informações no site www.tacio.com.br. (Curriculum de montanha)


Aline Lessa Fornaziere, 33 anos. Educadora física, professora. Foi instrutora do ginásio 90 graus, o mais antigo ginásio de escalada do Brasil. Já escalou em diversos estados brasileiros, como São Paulo, Minas, Rio, Paraná e Santa Catarina. Ministra treinamentos específicos para o desenvolvimento de escaladores. Pratica diversos estilos de escalada, como a esportiva, indoor, tradicional e também faz montanhismo e trekking.






Curitiba

Rafael Wojcik, 32 anos. Um dos maiores conquistadores de vias no Brasil, com mais de uma centena de vias abertas em locais como Salinas, Morro da Babilônia, Petrópolis, Bragança Paulista, São Luis do Purunã e muitos outros (você provavelmente irá escalar muitas de suas vias). Ele também é praticante de parapente e foi durante muitos anos gerente de uma loja de equipamento de montanhismo. Escala há 18 anos e ministra cursos há mais de 10.


Hilton Benke, 35 anos. É formado em direito e se destacou por ter sido o Fundador do site AltaMontanha.com. Escala há mais de 15 anos e junto comigo ajudou a reestruturar o departamento de escalada do Clube Paranaense de Montanhismo entre 2008 e 2009, quando ministramos diversos cursos de escalada por lá.