4 de março de 2010

Cachoeiras, escaladas e natureza em Guarapuava

Depois de escalar na região de Toledo, continuei minha viagem pelo Paraná e retornei a Guarapuava.

Lá, eu fui levado pela Eliza a conhecer a colonia de Entre Rios, onde moram muitos imigrantes e parentes de imigrantes alemães. São 4 colonias que são um tipo de cidadezinhas em meio ao campo. Lá eles produzem muita coisa, soja, milho, trigo, cevada, flores, animais, leite... Boa parte disso é transformado lá mesmo através de um moinho de trigo, de cervejaria, fábrica de ração etc...  Realmente incrível a organização e a riqueza que se extrai do campo, pois as proprias casas das colonias mostram a prosperidade e como o meio rural pode se desenvolver.

De lá fomos conhecer o Setor Cascavel, uma escarpa de Riolito que aflora ao lado de uma cachoeira perto da colonia. O pico foi aberto recentemente e tem cerca de 10 vias, todas muito difíceis. Entre pra brincar na via que a Eliza abriu com a Aline e a Fran, que sem querer recebeu o nome de "via das aranhas"....

A via é dificil, um 7c ou mais... Acabei nem terminando ela, pois uma chuva nos pegou de surpresa. Acabamos retornando pra colonia e fomos tomar um café com strudel no Brot Kaffe, uma padaria alemã muito boa!

Esta chuva marcou uma entrada de frente, mas mesmo com tempo ruim, fui conhecer o maior atrativo da cidade, a cachoeira de São Francisco, que tem quase 200 metros de altura e que fica na divisa com o municipio de Turvo e Prudentópolis.

A estrada que vai pra lá, a linha do Guairacá, é um atrativo em particular, muito linda! Chegamos tarde, as 17 horas e o Salto estava encoberto por neblina, mesmo assim pude ver ele e também as enormes paredes do canyon onde dizem ter uma via de escalada.

Este salto foi um aperitivo pra gente mais tarde conhecer outros com muito mais água, as famosas cachoeiras de Prudentópolis, mas isso conto no próximo post....

Flores da colonia

Casas da colonia Entre Rios

Salto Pinhãozinho, dentro da colônia Entre Rios

Setor Cascavel

 

Cachoeira Cascavel


Cachoeira por cima


 

Cachoeira por baixo



Cacto Bola ou Parodia ottonis
 



Tronco de uma Imbuia ou Ocotea porosa

 
Olha o Pleistocêno aí gente!



Interior de uma Floresta de Araucária ou Floresta Ombrófila Mista.


O Pinheiro do Paraná ou Araucaria angustifolia 



Fungos


Salto São Francisco entre as nuvens



Paredes do canyon


Olha o rio lá embaixo!


Jerônimoooooo....


O Salto e as paredes.



Cachoeira ao lado da BR 277

Um comentário:

Stefy disse...

Ola Pedro,
parabens pelo seu blog, muito bem elaborado. saudaçoes montanheiras, Stefy aventurasdeouro.blogspot.com